Fundadores - Quintiliano Jardim


Quintiliano Jardim - Cadeira 17

Biografia

Quintiliano Jardim nasceu em Uberaba, a 9 de fevereiro de 1880 e faleceu na mesma cidade, a 9 de outubro de 1966.
Filho de Quintiliano Jardim e Maria Luísa Alves Jardim. Autêntico autodidata, sua existência de homem de letras foi toda dedicada ao jornalismo na sua cidade natal, na qual fundou um jornal semanal e depois diário, comparável aos melhores de seu gabarito no país.
Esse jornal, de que foi redator e depois diretor e proprietário, onde trabalhou afanosa e idealisticamente por mais de meio século, foi sua maior e quase única tarefa literária em letra de forma.
Colaborou nas revistas brasileiras, publicando poesias notáveis em Revista de Uberaba, Almanaque Uberabense, Lavoura e Comércio Ilustrado, Via Láctea.
Recebeu de seus confrades ao completar 25 anos de jornalismo, o título de "Príncipe dos Jornalistas do Brasil Central".
O jornal Lavoura e Comércio completou 104 (cento e quatro anos) de circulação ininterrupta.
Foi sócio-fundador da Academia de Letras do Triângulo Mineiro, onde ocupou a Cadeira nº 17.

Obras publicadas:
Cinzas de Sonhos, trovas, 1967



Bibliografia

Paolinelli, Sônia Maria Rezende. Coletânea Biográfica de Escritores Uberabenses. Uberaba (MG): Sociedade Amigos da Biblioteca Pública Municipal “Bernardo Guimarães”, 2009. 166 p


Voltar


© Copyright 2010/2011 - Academia de Letras do Triângulo Mineiro. Todos os direitos reservados.